.

choro pra que
no teu deserto
brote ser-tão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua vez.